Os Nossos Amigos

quarta-feira, outubro 10, 2007

Testemunho de Amamentação da Miss Brema

Eu adorei amamentar… tenho das filhas, e ao todo foram quase 5 anos a dar aquilo que tenho de melhor ( A Bruna mamou durante 2 anos e a Ema durante 3 anos).

Quando ainda estava grávida, recordo-me de ler uma frase, que me marcou e que mais tarde veio a ter todo o significado para mim:

"Se dar a vida é atributo da Natureza, amamentar é transvazar nossa vida noutra vida, derramar nossa alma, a cada instante, para que outra alma se erga e viva de nós."

Para mim dar de mamar sempre fez parte do meu objectivo.

Nunca nem por um segundo pus em questão se iria amamentar ou não.

Muito menos nesta altura em que a informação sobre os benefícios do aleitamento nos chegam aos ouvidos por todos os meios e mais alguns.

Apesar disso ainda existem pessoas que resistem a essa ideia… existem mesmo algumas que decidem não amamentar mesmo antes de engravidar.

Lamento… chego mesmo a ter pena, de quem ( por opção) se impediu do prazer de ter uma criança nos braços, aconchegada ao peito, a sugar-nos o seio.

Gostaria com este testemunho, não mudar mentalidades , que como é obvio cada qual faz aquilo que bem entende, mas sim, deixar um alerta a muitas futuras Mães que associam a amamentação à dor, ou a qualquer outro tipo de sacrifício físico.

Não vou dizer que nos primeiros dias não é doloroso… é sim! Uma dor suportável e natural , pois o nosso bico da mama não está habituado à constante sucção que o bebé faz. Depressa o peito se habitua e o aleitamento será feito na mais perfeita harmonia entre Mãe/Filho.

Dar de Mamar foi a minha opção… e hoje, depois de já ter feito o desmame à minha filha mais nova há 6 meses sinto muita saudade!

Saudades de a embalar junto ao peito… saudades de calar o seu choro no meu seio!

E esta vai ser sem duvida uma das maiores experiencia que eu vou levar desta vida!

Beijos

Brema

4 comentários:

Mamã Catarina disse...

Um dos Post mais bem escritos que li nos últimos tempos, cada palavra usada da melhor maneira!

Realmente dar de mamar não só é um privilégio, como um prazer enorme, um momento de cumplicidade e ternura entre mãe e filho/a!

Dar de mamar para mim também sempre foi uma decisão tomada, sem "mas" nem "meio mas"! Dei tudo por tudo para que a minha menina aceitasse bem o meu peito, e assim foi! Até aos 4 mesinhos, altura em que ela própria acabou por não querer mais, uma vez que tinha provado novos alimentos, novos sabores! Mesmo assim tentei e voltei a tentar... sempre em vão, pois a Beatriz não queria mesmo e nada mais havia a fazer!

E que saudades eu hoje tenho daqueles momentos só nossos!!

PM disse...

Obrigada querida Brema!!!!
O teu testemunho é maravilhoso!!!!
Beijocas ENORMES

Moranguinha disse...

"Se dar a vida é atributo da Natureza, amamentar é transvazar nossa vida noutra vida, derramar nossa alma, a cada instante, para que outra alma se erga e viva de nós."
Acho que disseste tudinho!
Nunca me passou pela cabeça sequer não amamentar! E agora vejo várias pessoas que colocam isso como hipotese e fico muito triste tal como tu...
Só desejo conseguir fazê-lo e poder fazê-lo! Mal posso esperar! hihihi
Acho que é relatois como o teu que podem mudar algumas mentalidades (ou pelo menos assim espero!)
Muitos beijos grandes meus e do Papá e uns pontapés do Rafa hihi
Felicidades!

Tulipa disse...

Adorei este testemunho e concordo com tudo. O meu filho tem 16 meses e ainda mama, é algo que ele adora e eu também. Ao contrário de muitas mulheres não tive dores nenhumas no início da amamentação e nunca fiz ferida ou algo do género. Vou continuar a amamentar o meu filho enquanto puder e sinto pena das mulheres que não o fazem.
mais uma vez parabéns à Brema por este testemunho :)
Felicidades!